shadow

Por Diácono Leonardo Martins.

Hoje, 13/12/2015, dia em que a Diocese celebrou a abertura do Ano Santo da Misericórdia com o Rito da Abertura da Porta Santa da Misericórdia, durante a homilia, o Bispo Diocesano Dom Fernando Panico, divulgou uma mensagem do Papa Francisco enviada por intermédio do seu Secretário de Estado Pietro Cardeal Parolin.

Na mensagem do Papa, ficou claro que é seu desejo reconciliar a Igreja Católica com o Padre Cícero Romão Batista. Ao ouvir toda a mensagem e o gesto concreto do Papa, a assembléia presente vibrou com tamanha alegria! Este era o momento tão esperado quando a Diocese de Crato moveu-se em favor da reabilitação do Padre Cícero. No entender do Papa, não há o que reabilitar, mas sim reconciliar, pois como o Pe. Cícero não vive mais entre nós, ele não pode ser reintegrado às Ordens Sacras.

Segundo falou Dom Fernando em sua homilia, o Papa Francisco chega a reconhecer e exaltar várias das virtudes humanas, sacerdotais e apostólicas manifestadas pelo Padre Cícero em sua vida e no desempenho pastoral, e o coloca como “modelo de sacerdote” para os tempos de hoje e para a Nova Evangelização.

Dom Fernando comentou ainda sobre o grande interesse do Papa nos movimentos de romarias que a Diocese de Crato acolhe na cidade de Juazeiro do Norte-CE, de modo que ressalta

“os bons frutos que os romeiros vivenciam ao peregrinar a Juazeiro, atraídos pela figura desse sacerdote”.

Entre outras coisa, Dom Fernando Panico comentou que, “por meio de seu Secretário de Estado, o Papa Francisco afirma, ‘sem dúvida alguma, que o Padre Cícero, pelo seu intenso amor pelos mais pobres e por sua inquebrantável confiança em Deus, foi este instrumento escolhido por Ele.’ Por isso o Santo Padre nos convida a agradecer ao Senhor por todo o bem que Ele suscitou por meio do Padre Cícero que, diz de novo o texto “sem dúvidas” foi movido por um desejo sincero de instaurar o Reino de Deus”.

Este parecer do Papa Francisco, certamente nos enche de esperanças a que no futuro a Diocese de Crato possa sinalizar e dar início aos trabalhos em prol da Beatificação e Canonização do Padre Cícero, o que certamente vai enriquecer o rol de Santos que o Brasil está revelando em sua história de fé. No entanto, certamente ainda é muito cedo para se pensar neste itinerário.

Author

Thiago Bessa Pontes

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.